Ferramentas para desenvolver um plano de ano novo com objetivos e metas

Publiquei no dia 16 de janeiro de 2017 no blog da Altiva Foco em Pessoas o texto 7 motivos para você fazer planejamento de ano novo. Tudo isso com a intenção de comprovar a importância de você investir em um plano de ano novo com objetivos e metas para o seu ano bombar de vez.

Agora eu quero saber: você quer planejar o seu ano novo? Se sim, ficam as dúvidas:

  • Você conseguiu estruturar o seu plano de ano novo?
  • Você já conseguiu estabelecer objetivos e metas?
  • Você levantou e definiu as ações mais acertadas para você alcançar esses objetivos?

Se ainda não, você tem mais uma chance para fazê-lo. Ainda dá tempo!!! Você investir no seu planejamento pessoal se começar agora! E eu vou te dar uma forcinha nessa parte, ok?

1ª ferramenta: Pesquisa e levantamento de informações

O primeiro passo para você estruturar o seu plano de ano novo é você fazer um levantamento das suas reais necessidades para esse ano. A primeira coisa que você precisa fazer é uma avaliação do ano anterior. Reflita e analise os seguintes pontos:

  • Que projetos ou ações eu consegui finalizar ou realizar? Quais as conquistas que eu alcancei?
  • Que projetos ou ações eu não consegui realizar? Por que isso aconteceu?
  • O que me impediu de realizar o que eu desejava? (idade, foco, disciplina, força, dinheiro, tempo, falta de apoio, etc.). Justifique a resposta.
  • Que escolhas eu deixei para trás? Elas foram deixadas por que eu quis ou por necessidade?
  • O que surgiu no meu caminho que eu não esperava?
  • Quais os pontos positivos e negativos do ano que passou?

Com essa reflexão você poderá começar a identificar alguns pontos para o desenvolvimento dos seus projetos de ano novo. Analisando o passado, conseguimos avaliar pontos positivos e negativos da nossa experiência para redirecionar e traçar caminhos novos daqui para frente.

A sugestão é que você anote os achados mais importantes, positivos ou negativos, para você não esquecer e associá-los aos próximos passos do seu planejamento de ano novo.

2ª ferramenta: Análise das áreas da sua vida que necessitam de foco

A roda da vida é uma ferramenta muito difundida e utilizada por coaches para ajudar no direcionamento das expectativas do cliente. Basicamente, ela é uma forma visual de analisarmos as áreas de nossa vida que precisam de mais atenção ou investimento.

A roda estimula a avaliação de oito áreas da vida, dentre elas a família, o financeiro, a carreira e a saúde.

Plano ano novo Altiva

Para preencher a roda da vida você precisa de duas cores diferentes que pode ser de lápis de cor, giz de cera, canetinha ou caneta marca texto mesmo. No primeiro momento, você irá escolher uma primeira cor para servir de base para a sua matriz. A minha sugestão é que você crie uma legenda na lateral para indicar a cor de referência de cada período.

Plano ano novo Altiva

Comece analisando como foi o seu ano anterior. Reflita como foi o seu ano anterior em cada uma dessas áreas e colora cada fatia de acordo com o percentual (de 0 a 100%) que você acredita que alcançou a realização e o desenvolvimento dos seus projetos.

Com base no que você preencheu, pegue a outra cor e pense agora quais as áreas da sua vida que você precisa ou deseja desenvolver nesse ano. Lembre-se que você não consegue desenvolver tudo de uma vez só. Por isso, estabeleça as prioridades e represente-as com a outra cor dentro do mesmo quadrante, mas mostrando o que ainda é necessário avançar.

Plano ano novo Altiva

Ao final, como você pode ver no exemplo, você terá uma representação gráfica e bastante visual das áreas da sua vida que você deseja ou precisa dar mais foco no seu plano de ano novo.

Nesse exemplo acima, essa pessoa precisa colocar mais foco para desenvolver ações nas áreas de carreira, riqueza e dinheiro e, por último, em crescimento pessoal. Assim, ela poderá, em seu plano de ano novo, definir metas e ações mais focadas para esses pontos.

3ª ferramenta: Avaliação do que existe de positivo ou de negativo

Você já deve, pelo menos, ter ouvido falar da matriz SWOT ou FOFA. Nos cursos de administração e planejamento organizacional é uma ferramenta já muito usada e considerada batida para ajudar na análise ambiental das empresas. Nos últimos anos essa matriz foi adotada dentro do design thinking e eu, particularmente, gosto muito dela para ajudar nos projetos de desenvolvimento de carreira ou de competências.

A proposta aqui é dar abertura para identificarmos dois aspectos diferentes:

a) O que faz de você quem você é, ou seja, seus pontos positivos ou negativos. Trata-se de identificar quais são as minhas qualidades ou virtudes, os meus defeitos ou pontos de melhoria, as minhas habilidades, os meus conhecimentos, as minhas capacitações, que me tornam único e portador de características que são somente minhas;

b) Fatores externos que influenciam diretamente, ajudando ou atrapalhando, o alcance dos seus objetivos. Esses fatores podem ir desde a crise econômica, social ou política até ás oportunidades de mercado ou relacionamento que contribuam diretamente o indiretamente para a sua realização pessoal ou profissional.

A matriz é estruturada com quatro quadrantes.

Plano ano novo Altiva

Os dois primeiros quadrantes são dedicados para o levantamento dos pontos fortes e dos pontos fracos (conforme explicado no item “a” acima). Os outros dois espaços, logo abaixo dos anteriores, conforme a figura, são os campos para o levantamento das oportunidades e ameaças externas.

Plano ano novo Altiva

Depois de preenchida, a matriz poderá te ajudar a pensar o que é necessário fazer, mudar ou adequar nesse ano para que você alcance seus objetivos e metas.

Estruturando o plano

Depois de você preencher e analisar essas três ferramentas, está na hora de você começar a estruturar o seu plano de ano novo. O primeiro passo é você começar a definir quais são os seus objetivos. Por exemplo, se você percebe que precisa melhorar alguns aspectos da sua carreira e você deseja mudar de emprego. Uma das ações que você pode desenvolver para alcançar seu objetivo é investir no seu networking. Assim, você estabelecerá metas e ações para você atingir seu objetivo final.

Pense nisso como um programa de emagrecimento:

Você tem um objetivo: perder 10 kg

Com base no seu objetivo, você estipula metas: perder 2kg por mês.

Para isso, você define algumas ações que vão colaborar para que as metas sejam alcançadas: fazer exercícios físicos três vezes na semana, parar de comer frituras, comer com intervalos menores, etc.

Defina os objetivos que você elegeu para o seu ano novo e estabeleça um objetivo, algumas metas e ações para cada um deles. Mas, fica a dica, tome o cuidado para não colocar muitos objetivos, metas ou ações no seu plano. Por experiência própria! É fato que a nossa vida anda muito corrida e cada vez mais temos menos tempo para fazer as coisas. Por isso, ao definir o conteúdo do seu plano, pare e pense se tudo isso é condizente e praticável com a sua realidade.

Plano de ano novo com objetivos e metas

Tenha a visão ampla de tudo o que você planejou

Se você é desses que adora arrumar coisas e mais coisas para você fazer e no final acaba não fazendo nada porque não dá conta, aqui vai uma super dica para você. Para visualizar se você está sobrecarregando a sua capacidade de realização, faça uma simulação. Pegue uma folha de papel e trace uma linha no meio da folha de fora a fora. No início da linha você colocará a data de início do seu plano. E no final a data de encerramento do mesmo. Imagine que essa linha representa o seu ano. Se quiser, você pode dividir em meses ou da forma como preferir.

Plano ano novo Altiva

Ao longo da linha, você irá anotar quais são as metas e ações que você estipulou para fazer, colocando-as dentro de uma ordem cronológica que elas devem acontecer. Depois de lançar todas as informações nessa folha, você terá uma representação visual de como você subdividiu as propostas ao longo do ano. Isso poderá te indicar em que períodos você estabeleceu muitas atividades ou não, possibilitando que você reveja alguns pontos que acreditar que sejam necessários.

Direcionamento de proósitos

Para mim, essas ferramentas que apresentei são fundamentais para que você tenha a certeza da direção que você está ou que deseja seguir. E não se preocupe se, depois de analisar e refletir sobre a sua vida, você percebeu que precisa mudar seu caminho. Na maioria das vezes vale a pena mudar e fazer algo diferente e novo. Ter clareza desses componentes em nossa vida faz toda a diferença.

Saber que temos o nosso destino em nossas mãos é fundamental para tomarmos a responsabilidade por nossas escolhas. O que mais vejo no mundo são pessoas que não tomam para si a responsabilidade pelo o que lhes acontece. E isso é um erro. Nossa vida, nossas experiências são frutos das nossas escolhas e das nossas decisões. Lembre-se sempre disso.

Vai uma ajudinha?

Espero que as dicas possam ajudá-lo a direcionar seus propósitos de vida e ajudá-lo a alcançar seus desejos para esse ano. Se você tiver dúvidas ou precisar de alguém para revisar o seu plano, entre em contato comigo pelo e-mail altiva@altivapessoas.com.br. Fico à disposição para ajudar no que for necessário.

No mais, continue a acompanhar as postagens da Altiva Foco em Pessoas no Facebook e no Instagram. Um grande abraço!!!

Comentários